5 DICAS PARA ACERTAR O ALVO NO TIRO ESPORTIVO

O tiro esportivo é uma atividade que vem conquistando cada vez mais praticantes e admiradores. Com suas diversas modalidades, o esporte agrada diferentes perfis de esportistas e, assim, como em outras categorias, necessita de treinamento e cuidados para evitar acidentes e alcançar bons resultados. Pensando nisso, criamos um miniguia para você aprender como iniciar com sucesso na atividade. Quer aprender de uma vez por todas como acertar o alvo no tiro esportivo? Listamos 5 dicas que vão te ajudar. Confira!

1. Posição

A posição do atleta é o primeiro fundamento que deve ser aprendido e treinado durante a prática do tiro esportivo. Existem dois tipos de posição que devem ser trabalhadas: a exterior e a interior.
A posição exterior é aquela visível para todos. É como o praticante posiciona o seu corpo antes de realizar um disparo. Para realizá-la de forma correta, é necessário ajustar o atirador e a arma em relação ao alvo de forma que as miras estejam alinhadas.
A posição interior não é visível para os demais participantes, pois diz respeito ao comportamento do atleta. É a forma com que ele trabalha o corpo para manter a estabilidade e imobilidade antes de um disparo.

2. Empunhadura

O fundamento da empunhadura diz respeito à forma com que o cabo da arma se ajusta a sua mão. Para realizar um disparo certeiro e evitar ferimentos com o movimento de “coice” do equipamento, certifique-se que a arma esteja corretamente posicionada.
A ideia da empunhadura adequada é realizar o alinhamento natural, na vertical e na horizontal, da massa de mira com a alça de mira em relação ao alvo. É necessário segurar a arma com força para encontrar o ponto de pressão entre as mãos.

3. Respiração

O fundamento da respiração é um dos mais importantes para ter êxito durante a prática do tiro esportivo. Entretanto, por se tratar de algo natural, muitas vezes é deixado de lado ou esquecido. A oxigenação correta do organismo influencia diretamente no desempenho de atividades motoras.
O trabalho respiratório deve ser iniciado na peparação do atleta e ser continuado durante a execução do disparo. Ao respirar de maneira correta, utilizando o diafragma (músculo do abdômen), é possível entrar em um estado de tranquilidade e concentração.

4. Visada

A linha de visada é a reta que liga o olho do atirador, a alça e massa de mira e o alvo. Já a zona de visada é a área imaginária onde devemos posicionar a alça e massa. A intenção de trabalhar cuidadosamente cada fragmento da visada é garantir maior precisão na mira, de forma que o disparo atinja o alvo.
Para atingir esse objetivo, é necessário direcionar a arma para o alvo e acionar o gatilho sem modificar a direção. Montar a estrutura da visada é simples, entretanto manter o alinhamento ao acionar o gatilho requer muita prática.

5. Segurança e responsabilidade

Como em qualquer outro esporte, segurança e responsabilidade são indispensáveis durante a prática de qualquer modalidade de tiro esportivo. Confira algumas dicas:

  • sempre utilize o equipamento de proteção e a vestimenta adequada;
  • não esteja sob efeito de nenhuma substância que possa diminuir a sua capacidade de percepção ou reflexos;
  • evite atirar em superfícies muito planas ou duras. As balas podem ricochetear e ferir você;
  • use sempre a embalagem adequada para o transporte da arma;
  • antes de atirar, verifique com cuidado os seus alvos e as zonas de tiro.

A prática do tiro esportivo é muito emocionante, mas requer atenção. Seguindo corretamente as orientações é possível tornar a atividade ainda mais prazerosa e segura. Com muita prática e dedicação, você é capaz de melhorar o seu desempenho e acertar o alvo com rapidez e facilidade.

CRÉDITOS: BLOG LAZER E AVENTURA 

Você pode gostar...